quarta-feira, 1 de julho de 2015

* DO AMOR *

São já nove os anos que se passam depois do nosso dia do "SIM".
Nestes nove anos como marido e mulher, viajámos, rimos, choramos, tivemos dois filhos... vivemos felizes.
O Amor é fácil de ser vivido, difícil é, por vezes, o discernimento necessário para parar, pensar e agir.
Casei convicta de que aquele seria o Marido da minha Vida e hoje, depois de rosas e espinhos, continuo a ter a certeza de que é o Marido da minha Vida.
Se a perfeição existe, nós estamos muuuuiiiiiito longe de a alcançar, mas somos verdadeiramente felizes.
Viver a dois é muito diferente de viver a quatro. O tempo foge-nos por entre os dedos e sem que tenhamos consciência os outros dois crescem sem parar.
O tempo do colo, dos abraços e dos beijos sem fim, em breve terminarão e eu não me posso permitir perder esses momentos.
Sentados naquela mesa, enquanto fazíamos a análise da nossa Vida, percebi que aquilo que nos une e nos permite ultrapassar tudo é Amor. Um Amor verdadeiro que nos uniu e nos continuará a unir, nas alegrias que teremos e nas tristezas que superaremos.
Se nada mais tivesse sei que isso me bastaria.


Sem comentários:

Publicação em destaque

* É MUITO MAIS QUE UMA COR *

" Mas é apenas um cinturão amarelo! O que tem de tão especial? " Não, não é apenas um cinturão amarelo, é muito mais que is...