domingo, 28 de março de 2010

*DOMINGO DE RAMOS*


Hoje é dia de visita à Madrinha...
Eu levei um vaso para a minha Madrinha Quitéria.
A ela agradeço muito do apoio que nos tem dado com a pequena...
Obrigada por tudo.


sexta-feira, 19 de março de 2010

*FELIZ DIA DO PAI*


Quem comigo priva sabe o quanto dou valor a estes "dias".
Não é que eu precise deles para mostrar aos visados o quanto são importantes e especiais para mim, mas porque tento sempre demonstrar/assinalar de uma maneira diferente estas ocasiões.

Este ano o DIA DO PAI, para mim tem "mais valor", tem um aroma especial... com o nascimento da Benedita, o meu marido passou a ser Pai... mas, mais do que isso, o MEU PAI ganhou o estatuto de AVÔ.
(Eu sei que também há o Dia dos Avós mas isso é lá mais para a frente).
Eu agora estou no mesmo patamar que o meu Pai..., eu explico, agora vou perceber melhor algumas das suas atitudes ao longo da minha Vida; as decisões que tomou na minha educação... eu vou viver isso... passar por experiências semelhantes.
O meu Pai... o meu herói... aquele com quem algumas vezes tanto discuto pontos de vista diferentes... é Avô... eu sou Mãe... mas, mais que tudo isso, somos PAI e FILHA.

ADORO-TE.

FELIZ DIA DO PAI.

* O bolo foi oferta minha e do meu irmão.

quarta-feira, 17 de março de 2010

*PARA A MINHA MARIA*

Olha Maria
Eu bem te queria
Fazer uma presa
Da minha poesia
Mas hoje, Maria
Pra minha surpresa
Pra minha tristeza
Precisas partir

Parte Maria
Que estás tão bonita
Que estás tão aflita
Pra me abandonar
Sinto Maria
Que estás de visita
Teu corpo se agita
Querendo dançar

Parte Maria
Que estás toda nua
Que a lua te chama
Que estás tão mulher
Arde Maria
Na chama da lua
Maria cigana
Maria maré

Parte cantando
Maria fugindo
Contra a ventania
Brincando, dormingo
Num colo de serra
Num campo vazio
Num leito de rio
Nos braços do mar

Vai alegria
Que a vida, Maria
Não passa de um dia
Não vou te prender
Corre Maria
Que a vida não espera
É uma primavera
Não podes perder
Anda, Maria
Pois eu só teria
A minha agonia
Pra te oferecer
                                                                                                         Tom Jobim
 
*Mãe és a luz da minha Vida.

terça-feira, 9 de março de 2010

*"O AMOR, QUANDO SE REVELA"*

O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar p'ra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente
Cala: parece esquecer

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
Pra saber que a estão a amar!
Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
                      Já não terei que falar-lhe
                       > Porque lhe estou a falar...

                                                                  Fernando Pessoa


                                       * Ao meu Ângelo, mais do que pela rosa vermelha que ontem me ofereceste... pela rosa branca com que brindaste a tua sogra.
ADORO-TE...MUITO...MUITO





segunda-feira, 8 de março de 2010

*O NOSSO DIA*


"Mulher: a mais nua das carnes vivas e aquela cujo brilho é o mais suave."


Antoine de Saint-Exupéry


* A todas as mulheres da minha Vida.

quarta-feira, 3 de março de 2010

*JÁ 3 MESES*

Hoje completei 3 meses de maternidade... como costumo dizer, o tempo voa! A princesa está cada vez maior e mais bonita. Pode parecer impossível mas não é (sou mãe babada... quem me condena?) a cada dia que passa mais me deslumbra... o sorriso fácil... o olhar atento... a minha alegria... quer dizer, a alegria aqui da "malta" toda.

Publicação em destaque

* É MUITO MAIS QUE UMA COR *

" Mas é apenas um cinturão amarelo! O que tem de tão especial? " Não, não é apenas um cinturão amarelo, é muito mais que is...